CINEMA PODE SER LUZ NO ESCURO

No Brasil da pré-copa tensa, com guerra entre bandidos, ataques as UPPs, policiais nas ruas, milícia expulsando moradores do Minha Casa Minha Vida, etc… Um dado interessante: as maiores bilheterias nos cinemas neste final de semana foram, respectivamente, “Homem Aranha” e “Capitão América”, que sozinhos ocupam 1.706 salas, mais da metade do nosso parque exibidor. Levaram juntos mais de 2 milhões de pessoas aos cinemas.
“Getúlio”, um dos presidentes do Brasil que mais tempo ficou no poder, levou pouco mais de 136 mil cinespectadores nas 177 salas que ocupa, ou seja 10% do total abocanhados pelos heróis estadosunidences.
“Alguma coisa está fora da ordem…”? – Não!
Em Guadalupe existem dois cinemas (que bom!) um do lado de cá e outro do lado de lá (da Avenida Brasil). O de cá, o nosso, o Ponto Cine, com apenas uma sala está com dois filmes brasileiros: “Getúlio” e “Os dias com ele”. O de lá tem 5 salas, três delas ocupadas com Homem Aranha e outra com o América.
Vale uma reflexão!

Adailton Medeiros

Sobre Adailton Medeiros

Fundador e Diretor do Cinema Ponto Cine – 1ª Sala Popular de Cinema Totalmente Digital do Brasil -, e único cinema no mundo a só exibir filmes brasileiros. Recebeu da Ancine – Agência Nacional de Cinema – o Prêmio Adicional de Renda em 2007, 2008, 2009, 2010 e 2011. E pela Secretaria de Estado da Cultura do Rio de Janeiro o Prêmio de Estímulo à Exibição Cinematográfica, em 2009, 2010 e 2011. Adailton Medeiros foi ganhador do Prêmio Faz Diferença do Jornal O Globo, 2008, Categoria Segundo Caderno/Cinema, pelo trabalho de difusão e democratização do acesso ao cinema brasileiro.
Esta entrada foi publicada em Adailton Medeiros. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Uma resposta a CINEMA PODE SER LUZ NO ESCURO

  1. andre caetano disse:

    Infelizmente as pessoas fogem da realidade ao invés de enfrenta-la ,seria bem melhor se conhecessemos a realidade e tentassemos muda-la ou transforma-la .

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>